PREFÁCIO


Por Carlos Evandro Luz

Alencar Mendes, caçadorense, profissional da Odontologia, Pós-graduado em Dentística Restauradora e Odontologia do Trabalho, traz para satisfação de todos nós, esta obra primorosa, de valor inestimável, que intitulou – CAMINHOS DE CAÇADOR – DICIONÁRIO DAS RUAS DA CIDADE, a qual tenho o privilégio e a honra de apresentar.

O tema aqui abordado incorpora-se no campo das preocupações da atividade funcional do autor, MBA em Administração Pública e Gerência de Cidades e Vereador, junto ao Legislativo Caçadorense, eleito para a Legislatura 2013-2016, possuindo, portanto, intimidade com as questões suscitadas pelo objeto temático que escolheu para esmiuçar com tanta minudência e profundidade.

Também eleito à vereança, nesta legislatura, para atuar no mesmo parlamento, passei a ter com o autor, convívio constante, quase diário, notadamente no plenário e nas reuniões das Comissões Técnicas da Casa Legislativa, podendo assim, ao longo desse tempo, asseverar, que Mendes exerce esse múnus público, sustentado em princípios de honradez e dignidade, desempenhando-o, com capacidade e zelo, demonstrando, de maneira insofismável, havê-lo abraçado com inquebrantável dedicação, deixando, por onde atua, marcas indeléveis de competência e retidão de caráter.

Em data imprecisa, de 2014, em despretensioso diálogo, divagávamos acerca das dificuldades com as quais nos deparávamos, ao buscar informações, acerca da identidade dos personagens e locais que, ao longo do tempo, vieram, através de decretos e leis, a nominar as vias públicas de nossa cidade, uma vez que os documentos respectivos sempre foram mantidos em arquivos esparsos, prática administrativa deficiente, capaz de obstaculizar sua localização, facilitar eventuais danos e extravios, e a comprometer com seriedade, a efetivação de estudos e pesquisas, ocasionando, consequentemente, prejuízos incalculáveis à Administração Pública, ao conhecimento da população atual, às gerações vindouras e à própria história do Município, extraindo-se, desses questionamentos, a imperiosa necessidade, em se reunir e condensar, em compêndio, a legislação específica, produzida pelos Poderes Executivo e Legislativo, desde a emancipação político administrativa do Município aos dias atuais.

Voltado a realizar além daquilo que institucionalmente estatui-se à atividade parlamentar, com peculiar determinação e convencido da relevância para a sociedade em geral, de uma obra de tal envergadura, Alencar Mendes predispôs-se a elaborá-la, e a partir daquele instante, com seriedade e sem tréguas, debruçou-se à causa, dando início a buscas incansáveis e pesquisas imprescindíveis, junto a pessoas, instituições, Cartório de Registro Civil, e, precipuamente aos acervos documentais dos arquivos dos poderes legislativo e Executivo Municipal e, contando com o auxílio de alguns abnegados, em curto interregno, face à complexidade e extensão do tema, fez materializar sua pretensão, consolidando a obra em volume único, robusta e plena, completa, na verdade, afigurando-se apta a exteriorizar e resgatar aspectos importantes da cultura, dos valores, dos costumes e da história de nossa cidade.

Preambularmente, em preciso, rico e detalhado relato, discorreu sobre a formação deste então inóspito lugar, sua história evolutiva, dos mais remotos tempos até a criação formal do Município, por Decreto, em 1934, que deu origem ao nome – Caçador.

Em sequência lógica e inteligente, relacionou os decretos e as leis que denominaram as ruas da Cidade, ordenadas pela data de sua entrada em vigor, não olvidando em acentuar todas as alterações de denominações havidas ao longo dos anos, e com visão detalhista, delineou, uma a uma, as vias, com as leis que as nominaram, mesmo aquelas em que a legislação não fora, em arquivo algum, localizada.

Através de árduo e exaustivo trabalho, catalogou, em ordem alfabética, as setecentas e cinquenta e nove vias públicas, até agora, formalmente instituídas na cidade, acompanhadas do número respectivo da lei e ano de publicação, localização no perímetro, sua extensão linear e, ainda, com singular organização e competência, a cada uma, adicionou precisas e valiosas informações, possibilitando ao leitor conhecer e identificar, à saciedade, as razões e motivos pelos quais, em determinado momento histórico, pessoas, lugares, datas comemorativas, santos de devoção popular, espécimes da fauna e flora, – se traduziram relevantes no contexto social e no processo de construção da história local, ao ponto de nominarem vias de nossa urbe.

Enriqueceu-a, com a transcrição, em casos especiais, de trechos de atas, de textos discursivos e manifestações havidas no Parlamento, por ocasião da apresentação e votação, em plenário, da matéria respectiva, apontando fatos interessantes e inusitados, atinentes a personagens homenageados.

A obra é resultado de apurado esforço, de profundo e extenso trabalho de pesquisa, na qual conseguiu o autor, com pinceladas pessoais, transmitir às suas páginas, em linguagem didaticamente clara, prazerosa e objetiva, o exaurimento do tema proposto, traduzindo-a completa em todos os aspectos e de profundidade indiscutível, ante seu vasto e abrangente conteúdo. Vislumbra-se, pois, em excelente e inesgotável fonte de conhecimento, de consulta e de estudos, de modo especial, às instituições, agentes políticos, servidores públicos, aos educandários – professores e alunos e, afinal, a todos quantos necessitem ou queiram se atualizar.

Com ela, o seu talentoso artífice, gradual e cronologicamente, edificou-a, com profusão de detalhes e preciosas informações, propiciando ao leitor, visualizar, interpretar e compreender, com propriedade e amplitude, o desenrolar de nossa história – do passado remoto ao momento presente.

No mercado nacional, algumas obras do gênero foram produzidas, entretanto, nenhuma completa e dotada de tantas e tão ricas informações quanto esta. Não há, pois, entre elas, qualquer similitude.

Assim, poder-se-á, por isso dizer, esta é única; e, exatamente, a singularidade e ineditismo de seu conteúdo é que realçam, ainda mais, o seu valor.

Sua leitura, efetivamente conduzirá por caminhos múltiplos e variados o leitor e, seguramente, o transportará a verdadeira, curiosa e interessante viagem no tempo.

Alencar Mendes cumpriu, repito, de maneira proficiente e plena, o seu objetivo, construindo esta obra em exclusivo benefício dos leitores que agora, podem dela se valer para ampliar conhecimentos e aprofundar estudos e pesquisas.

Através dela, Alencar, resgata e vivifica a história, que até aqui tem sido por inúmeros, desconhecida e, por outros tantos, esquecida.

Finalmente, honrado, satisfeito e agradecido, exprimo e reitero, a total confiança na importância, real valor e no sucesso do livro que ora vem a lume.

CARLOS EVANDRO LUZ
Vereador em Caçador
Legislaturas 1989-1992/ 1993-1996 / 1997-2000 / 2009-2012/ 2013-2016.